O elenco de ‘Orgulho e Preconceito e Zumbis’, filme que está em cartaz nos cinemas brasileiros contou tudo sobre o filme em coletiva de imprensa realizada. O elenco respondeu as perguntas da imprensa sobre o filme e sobre os próprios atores. A coletiva contou com a presença de Lily James, Bella Heathcote, Douglas Booth e Jack Huston.

Coletiva Filme Orgulho e Preconceito e Zumbis - Sony v4.mov.Still001

Confiram o que de melhor aconteceu:

“Na escola, vocês gostavam de ter contato com literatura clássica ou achavam muito chato isso?”

Bella – Eu nunca leio os livros, prefiro ver os filmes (risos). Brincadeira, eu sempre adorei Orgulho e Preconceito.

Lily – Eu não gostava muito das aulas de inglês na escola, mas sempre achei Jane Austen uma exceção a regra e passei a amar ler livros com o tempo.

“Como vocês reagiram quando receberam a proposta de participar de uma adaptação de Jane Austen, mas viram zumbis no roteiro, acharam interessante ou ficaram receosos com o projeto?”

Lily – Eu achei bobo no começo essa mistura por ser muito fã da escritora, mas ao ler poucas páginas do roteiro eu achei super engraçado e atual, sem falar que é uma adaptação de um best-seller de Seth Grahame-Smith.

Douglas – De cara eu achei super divertido, uma ideia muito interessante.

Coletiva Filme Orgulho e Preconceito e Zumbis - Sony v4.mov.Still002

“Por quê vocês acham que uma história como essa é relevante em 2016?”

Bella – Eu acho relevante porque é uma história de amor, e elas sempre são relevantes. Também porque traz Jane Austen a uma linguagem moderna, onde as mulheres são independentes, arrasam e salvam o dia (risos).

“Como foi reimaginar os personagens clássicos como lutadores e dar vidas a eles?”

Lily – Elizabeth Bennet é a melhor personagem de todos os tempos. É uma jovem independente, espirituosa, que está sempre pensando à frente do seu tempo e que nesta história usa seu conflito interno, confusão e frustração para liberar toda essa força da personagem.

“Como foi treinar as cenas de luta com tantas roupas de época e armas?”

Lily e Jack – Foram meses de treino ensaiando coreografias, um trabalho muito duro, mas ao mesmo tempo em que foi muito difícil, ficou algo elegante e estiloso (risos).

“Lily, você já foi a Cinderela e agora uma personagem de Jane Austen, o que vem pela frente, quais seus planos?”

Lily – Eu quero interpretar cada uma das princesas da Disney (risos). E depois, cada príncipe (risos). Na verdade, estou trabalhando em um novo projeto e esse próximo filme se passará nos dias atuais mesmo.

“Depois de ver o filme, parece que tudo fica melhor com zumbis. Quais outras obras clássicas vocês gostariam de ver assim?”

Jack – “Three Sisters”, de Chekhov. Exploraria muito a força feminina.

Lily e Bella – “War and Peace” (Tolstoy). Romeu e Julieta, ou qualquer Shakespeare também.

“Falando sobre zumbis, quais histórias ou filmes vocês conhecem e gostam?”

Douglas – Eu amo “Todo Mundo Quase Morto” (Shaun of the Dead, 2004).

Jack – “Extermínio” (28 Days Later, 2002) é um dos mais assustadores.

Bella – “Guerra Mundial Z” (World War Z, 2012) porque poderia ser real, e isso é muito assustador.

“Vocês acham que, apesar dos zumbis, o filme é uma forma de fazer com que o público mais jovem tenha contato com a literatura clássica?”

Douglas – Se eu fosse adolescente, nunca me interessaria por uma adaptação da Jane Austen, mas se tivesse zumbis no meio com certeza (risos).