Festival de Veneza anunciou quem irá presidir o júri em sua 75ª edição, o diretor mexicano Guillermo del Toro. Em 2017, o cineasta levou três prêmios pelo aclamado “A Forma da Água”, sendo eles Melhor Filme, Future Film Festival Digital Award (dado a obras que incluem o processamento 3D digital e contribuam para a renovação técnica e expressiva da cena produtiva neste campo) e CICT-UNESCO C. Smithers Foundation Award (dado a filmes que fazem uma ponte de compreensão em diferentes culturas e tradições).

Além do atual, “A Forma da Água”, o del Toro escreveu e dirigiu grandes sucessos como “Hellboy” (2004), “O Labirinto do Fauno” (2006), Círculo de Fogo” (2013) e A Colina Escarlate” (2015).

O diretor do festival, Alberto Barbera, não poupou elogios ao presidente do júri, “Guillermo Del Toro personifica a generosidade, o amor pelo cinema passado ou futuro e uma paixão pelo tipo de cinema que pode desencadear emoções, afetar as pessoas e, ao mesmo tempo, fazê-las refletir. Em virtude de sua imaginação viva, sensibilidade incomum e sua confiança no poder das imagens, ele trouxe à vida um universo fantástico no qual o amor e o medo podem coexistir e valorizar a diversidade é um valor fundamental. Estamos satisfeitos e honrados de ter concordado em presidir o Júri do 75º Festival de Cinema de Veneza, depois de ter iluminado a edição anterior com a beleza deslumbrante de ‘A Forma da Água’. Ele será um presidente genial, inquisidor e entusiasmado.”.

“Presidir o júri é uma grande honra e uma responsabilidade que aceito com respeito e gratidão. Veneza é uma janela do cinema mundial e uma oportunidade de celebrar sua força e importância cultural.”, disse Guillermo em declaração.

O 75° Festival de Veneza acontece entre os dias 29 de agosto e 8 de setembro.