SINOPSE

Ash Ketchum acaba de completar 10 anos de idade. Isso significa que ele está pronto para se tornar um treinador de Pokémon. Agora, ele espera receber seu primeiro Pokémon, o Pikachu, que também será seu melhor amigo. Juntos, eles embarcam em uma jornada repleta de aventuras em busca do lendário Pokémon Ho-Oh.

FICHA TÉCNICA

Direção:

Kunihiko Yuyama

Roteiro:

Satoshi Tajiri, Shôji Yonemura

Gênero:

Animação

Produção:

Oriental Light and Magic, Pikachu Project, Shogakukan

Elenco:

Unshô Ishizuka, Rica Matsumoto, Sarah Natochenny

Nacionalidade:

Japão

Ano de Produção:

2017

Data de Lançamento:

05/11/2017

Distribuição:

Fathom Events

CLASSIFICAÇÃO

Direção:

Roteiro:

Fotografia:

Trilha-Sonora:

Efeitos Visuais:

Efeitos Especiais:

Item não avaliado

Direção de Arte:

Elenco:

Montagem:

Figurino:

Item não avaliado

Maquiagem:

Item não avaliado

Não restam dúvidas que uma das maiores febres do final da década de 90 e início dos anos 2000 eram os Pokémons. Sendo um ótimo exemplo de franquia transmídia, os monstrinhos emplacaram nos games, na TV, no cinema e no mercado de bonecos (alguns devem lembrar ou ainda ter em casa os pokémons que vinham nas embalagens de refrigerante). O burburinho causado pelo lançamento de Pokémon Go, no ano passado, é apenas uma pequena amostra do sucesso que a franquia atingiu cerca de 20 anos atrás. E justamente para comemorar estas duas décadas de “Pokémon”, no próximo dia 5 e 6 de novembro será exibido em sessões especiais o vigésimo filme de franquia: Pokémon – O Filme: Eu Escolho Você”.

O longa em si já é uma celebração, uma vez que não se trata da continuação das aventuras vividas por Ash Ketchun no seriado para TV, mas sim um reboot do início da vida de Ash como um Treinador Pokémon. Apesar de, num primeiro momento, um reboot de uma série animada que continua no ar causar um certo estranhamento, o propósito do filme é comemorar a data recontando a história que conhecíamos, resgatando um sentimento nostálgico nos fãs que não acompanharam os rumos que a série tomou.

A ideia funciona, e também aproveita para adequar um dos maiores problemas do seriado: a constante inclusão de novos monstrinhos. O seriado, replicando um conceito que funciona bem nos games, incluí na trama algumas dezenas de novos monstros de tempos em tempos. Algo que prejudica um pouco a coesão do universo criado, já que dá muitas brechas para questionamentos como “Este Pokémon estava o tempo todo lá e ninguém sabia?”. Dessa forma, o filme já situa o começo da história de Ash num universo com todos os Pokémons revelados.

Os primeiros minutos do filme não diferem muito dos primeiros minutos do primeiro episódio da série. Inclusive aproveitam para recriar as cenas utilizando a combinação de ambientes 3D e 2D, respeitando a identidade visual do desenho animado em 2D, mas entregando belas imagens para serem apreciadas no cinema. No primeiro dia das suas jornadas, Ash e Pikachu encontram com o Pokémon lendário Ho-Oh, e neste ponto a trama se distancia do material original, quando uma pena deste pássaro raro cai nas mãos de Ash. Após esta cena, os fãs, que já ficaram emocionados em rever os personagens queridos no cinema, podem ficar com os olhos marejados quando começa tocar a música tema de Pokémon, em uma nova versão, e um conjunto de cenas familiares indicam a evolução de Ash montando os créditos iniciais do filme.

No desenvolvimento da história, algumas técnicas do game são mostradas e inclusive há uma cômica referência ao recente jogo para mobile Pokémon Go. Também contamos com a participação de antigos personagens, alguns mais conhecidos e com mais tempo em tela, como os vilões da Equipe Rocket, e outros que somente os fãs conseguirão identificar, como o antagonista Gary. Porém, nesta versão, o verdadeiro antagonista é um personagem pouco explorado no seriado, e devido aos rumos que a trama segue e as mensagens que os escritores querem passar, acaba sendo a escolha perfeita.

As únicas ausências a serem sentidas são dos primeiros companheiros de Ash e Pikachu: Brock e Misty. Estes são substituídos pelos inéditos Sérgio e Vera, na tradução brasileira, que de certa forma representam os antigos personagens pelas suas histórias e características. E ainda fica uma especulação no ar, com a possível participação de um clássico personagem dos games, e mais recentemente da minissérie “Pokémon Origins”, já que o boné do personagem que representa um treinador mais experiente no filme é o mesmo boné utilizado pelo Red dos games.

A personalidade de Ash ainda é a mesma, e apesar de mimado e determinado, o personagem ainda tem os seus momentos de extrema coragem, que entregam cenas emocionantes. Pikachu está mais fofo do que nunca, o carisma e identificação com o personagem conseguem ser ainda mais intensos. E o relacionamento dos dois protagonistas, apesar de explorado ao longo destes 20 anos, consegue ser abordado por uma nova perspectiva e ser aprofundado.

Seguindo a linha dos outros longas da franquia, os acontecimentos caminham para um final dramático, e vai um pouco além do que já foi apresentado, mas tudo termina bem, e ainda há uma grande surpresa para os fãs, acompanhada de uma revelação inédita. Assim como os créditos iniciais, os créditos finais também são acompanhados de uma sequência de aventuras conhecidas de Ash e Pikachu, e ao som de “Gotta Catch ‘Em All” tocada no piano, terminamos o filme com um sorriso nostálgico no rosto.

“Pokémon – O Filme: Eu Escolho Você” é uma grande homenagem dos criadores e escritores originais para a franquia como um todo, bem como para os fãs, que se forem ao cinema com o intuito de relembrar a infância, certamente vão se emocionar. O filme será exibido exclusivamente em sessões nos dias 05 e 06 de novembro, em cinemas de todo o país, somente com cópias dubladas. E vale ressaltar que apesar dos dubladores não serem os mesmos das primeiras temporadas do seriado, o filme de maneira alguma é prejudicado, já que o trabalho de dublagem foi muito executado e em poucos minutos nos acostumamos com as novas vozes.

Vai aproveitar o final do feriado para curtir o novo filme? Quem for assistir ao filme nos cinemas, ainda leva para casa uma carta especial de Pokémon Estampas Ilustradas! Não vai perder esta chance né?