skins

Além de ser uma série que retrata problemas reais, é de certa forma sentimental, sendo o espectador jovem ou adulto, os dilemas que passam durante a história de cada um dos personagens, emocionam.A série foi composta por três gerações. A primeira geração compôs a primeira e segunda temporada, com destaque para Cassie Ainsworth, que passa por diversos problemas como distúrbio alimentar, Tony Stonem, que mesmo tendo a vida aparentemente perfeita acaba se envolvendo em muitos acidentes que o levam ao fundo do poço, mas acaba retornando, e Chris Miles, que abandonado pela família e sem saída em vários momentos do enredo, arranja motivos para continuar vivendo da melhor maneira possível. A segunda geração, composta pela terceira e quarta temporada, foi sem dúvidas a mais sombria, com a continuação da personagem Effy Stonem, irmã de Tony, e a adição de personagens marcantes, como James Cook, o abandonado que posteriormente se mostra tão necessitado de amor, e principalmente Naomi e Emily, o casal que mais encanta na série, com seus desenrolares. Finalmente a terceira geração, durante a quinta temporada, com apresentação de um elenco totalmente novo (e também inexperiente) e com um roteiro bem mais tranqüilo em relação a outras temporadas; e a sexta temporada, a mais obscura de todas, que do começo ao fim surpreende. Em 2013, a sétima e última temporada foi lançada, divida em três partes, Pure, Rise e Fire, contando a história de Effy Stonem, James Cook e Cassie Ainsworth quando adultos.

Por: Camila Bonfim