Em toda a história vimos que heroísmo e altruísmo sempre estiveram ligados à morte no cinema. Não existe nada mais digno do que se sacrificar por um bem maior, para salvar muitas vidas, proteger um reinado ou até mesmo poupar um amigo.

Joaquim José da Silva Xavier, mais conhecido como Tiradentes, também foi um desses. O mártir da Inconfidência Mineira é exemplo de muitos, que até hoje lutam por justiça e um mundo melhor com mais direitos e igualdade.

Tiradentes exerceu diversos trabalhos entre eles o de minerador e de tropeiro. Também foi alferes, fazendo parte do regimento militar dos Dragões de Minas Gerais. Além disso, era um excelente comunicador e orador. Em 1789, após ser delatado por Joaquim Silvério dos Reis, o movimento que liderava para tornar o país independente, foi descoberto e interrompido pelas tropas oficiais. Os inconfidentes foram julgados em 1792.

Por sua bravura e atitudes, Tiradentes foi condenado a forca, sendo executado em 21 de abril de 1792. Partes do seu corpo foram expostas em postes na estrada que ligava o Rio de Janeiro a Minas Gerais. Sua casa foi queimada e seus bens confiscados.

Recentemente, a Rede Globo inseriu em sua programação a novela ‘Liberdade, Liberdade’, que contou pouquíssimo a história de Tiradentes, vivido por Thiago Lacerda. Agora que você sabe um pouco sobre o homem que deu origem ao feriado de 21 de abril, trouxemos alguns filmes que de alguma forma falam de movimentos e figuras históricas importantes. Venha conosco nessa viagem!

Com colaboração de Camila Honorato

A Lista de Schindler (1993) / Direção: Steven Spielberg

A Lista de Schindler

Uma vida salvando muitas outras. E assim foi a história de Oskar Schindler, um empresário alemão que salvou a vida de mais de mil judeus durante o Holocausto ao empregá-los em sua fábrica. O filme dirigido por Steven Spielberg é baseado no romance ‘Schindler’s Ark’ escrito por Thomas Keneally e estrelado por Liam Neeson. O filme emociona e retrata muito bem um momento histórico que marcou muitas pessoas, principalmente o povo judeu.

Coração Valente (1995) / Direção: Mel Gibson

Coração Valente

Essa história real comove a todos nós. O filme retrata a figura histórica de William Wallace, guerreiro, patriota escocês e herói medieval, que, no fim do século XIII, tempo em que os rebeldes escoceses lutavam contra o domínio do rei inglês Eduardo I, luta em uma violenta batalha com o objetivo de libertar a Escócia de uma vez por todas. Um dos melhores elementos deste filme são as cenas de batalha extraordinariamente bem sincronizadas e organizadas. Não deixe de assistir!

Tiradentes (1998) / Direção: Oswaldo Caldeira

Tiradentes 1998

Como um bom especial sobre mártires, não podia faltar um filme sobre o maior representante da Inconfidência Mineira, Tiradentes. O filme estrelado por Humberto Martins, Julia Lemmertz, Adriana Esteves, Giulia Gam, dentre outros, mostra uma visão bem diferente da convencional, acerca dos fatos políticos que envolveram a Inconfidência Mineira e a condenação dos conjurados. Uma visão intrigante, porém com respaldo em muitas pesquisas recentes.

Guerra de Canudos (1997) / Direção: Sérgio Rezende

Guerra de canudos

Mais um representante das causas justas tem vez. Aqui, Antônio Conselheiro, interpretado pelo ator José Wilker, aparece em um filme baseado no célebre episódio real da história brasileira, a Guerra de Canudos, na qual o exército brasileiro enfrentou os integrantes de um movimento religioso, e que durou de 1896 a 1897, terminando com o massacre dos insurgentes pelas tropas federais. É, no mínimo, curioso de assistir. Vale a pena!

Joana D’Arc (1999)/Direção: Luc Benson

Joana

Entre tantos homens, é claro que tem uma grande mulher. Em ‘Joana D’Arc’, Mila Jojovich interpreta a personagem que dá nome ao filme. O longa trata a história de uma mulher, que ainda menina passa a ter uma religiosidade tão intensa que a fazia se confessar algumas vezes por dia. Como a França estava em caos, Joana, que se intitulava a “Donzela de Lorraine”, tinha uma determinação inabalável e dizia que estava em uma missão divina, para libertar a França dos ingleses. Liderando um exército, ela recupera a cidade de Reims, onde o delfim é coroado Carlos VII, e parte para o início do seu fim. Filme tocante e com um super elenco.

Anita & Garibaldi (2003) / Direção: Alberto Rondalli

Anita e garibaldi

O filme dirigido por Alberto Rondalli traz Gabriel Braga Nunes, Ana Paula Arósio, Alexandre Rodrigues, no elenco principal e conta parte da vida do jovem Giuseppe Garibaldi, no Brasil. O seu encontro com Anita, ex-mulher do sapateiro da cidade, o aprendizado humano e militar, a amizade com Luigi Rossetti, um dos revolucionários italianos que como ele lutava pela libertação do Rio Grande do Sul e Santa Catarina do império Brasileiro. O filme possui uma apurada reconstrução histórica.

300 (2007) / Direção: Zack Snyder

300

‘300’ é baseado na história em quadrinhos com o mesmo nome escrita por Frank Miller e Lynn Varley, e publicada em 1998. A história é uma releitura fictícia da Batalha de Termópilas durante as Guerras Persas e gira em torno do Rei Leónidas – que, de fato, existiu -, e lidera 300 espartanos na batalha contra o “deus-rei” Xerxes da Pérsia e o seu exército invasor com mais de 300 mil soldados. Enquanto a batalha acontece, a Rainha Gorgo tenta encontrar apoio para o seu marido em Esparta. O enredo, a fotografia, a trilha sonora e todos os elementos são fantásticos.

Selma – Uma Luta por Igualdade (2015) / Direção: Ava DuVernay

Selma

Martin Luther King Jr. não precisou enfrentar exércitos, mas lutou com bravura e presenciou derramamento de sangue enquanto pregava palavras de ordem como “igualdade” e “direito ao voto” para todos os negros, seguindo o exemplo de seu pai Martin Luther King. A cinebiografia acompanha as históricas marchas realizadas por ele e manifestantes pacifistas em 1965, entre a cidade de Selma, no interior do Alabama, até a capital do Estado, Montgomery, em busca de direitos eleitorais iguais para a comunidade afro-americana. Assista!

Curtiu? Esperamos que tenha gostado. E se lembrar de algum filme, comente abaixo. Até breve!