O massacre na boate Pulse, que deixou 53 pessoas feridas, e matou 49, é mais um exemplo de como há pessoas que ainda não sabem lidar com as diversas possibilidades de gênero e muito menos com sua inserção no contexto social.

O cinema se mostra um grande aliado para a comunidade LGBT , quando consegue construir personagens e tramas que dizem ao espectador que, mesmo que haja diferença entre sua opção sexual e a de outra pessoa, a repressão de diferentes tipos de sexualidade não trazem nada além de traumas, ódio e dor.

Mas, apesar da urgência, nem todos os cineastas conseguem transpor para a tela personagens que representam efetivamente uma luta real e constante, presente em todas as formas de identidade de gênero, que fujam de masculino e feminino. Selecionamos 5 filmes que abordam esta questão de forma bastante ampla.

TOMBOY

Mikael é um menino que faz tudo o que uma criança normal faz: brinca com sua irmã menor, joga bola com os amigos, faz amizades, e tem algumas decepções características de sua idade. Mas Mikael na verdade nasceu como uma menina. É com este conflito da personagem que o filme vai se tornando cada vez mais intrigante, na medida em que Mikael não é visto por sua família como ele realmente é.

tomboy-1-1

LAURENCE ANYWAYS

A trama é sobre a cumplicidade entre uma mulher e um homem que decide mudar de sexo. Laurence não tem dúvidas quanto a sua transformação, porém para atingir seu objetivo ele precisa lidar com questões mais difíceis que sua mudança física, que envolvem sua mãe e sua companheira, Fred. O filme retrata de forma sincera e profunda os desafios presentes na relação entre Fred e Laurence, evidenciando um amor desprovido de rótulos.

laurencecinecultura

TATUAGEM

O romance entre um soldado e um agitador cultural em plena Ditadura Militar no Brasil. O diretor consegue abordar este tema, repleto de tabus e polemicas, com uma naturalidade impressionante que ajuda a compor um filme simples, porém essencial.

Tatuagem CSF

CAROL

Therese conhece Carol quando está trabalhando numa loja de departamento em uma Nova Iorque dos anos 50. A atração entre as duas é inegável já no primeiro contato e, a partir deste momento, a trama mostra a aproximação das duas, que traz inúmeras desventuras para a vida de Carol, que passa a ser ameaçada por seu ex marido de perder a guarda da filha por sua conduta imoral.

maxresdefault

C.R.A.Z.Y.

Este é um filme com várias camadas, no qual o protagonista, Zac, precisa lidar com sua homossexualidade enquanto cresce em meio a quatro irmãos e um pai extremamente conservador. Há vários tipos de violência presentes na relação de Zac com sua família, na qual ele só encontra refugio nos braços de sua mãe, a única capaz de compreender e dar suporte ao filho.

2005_crazy_001