Em nota, divulgada pelo The Hollywood Reporter, o ator Ben Affleck anunciou que não irá dirigir o longa-metragem solo do Batman. A notícia vem depois de idas e vindas do ator com relação à produção na qual será protagonista.

“Alguns personagens têm um lugar especial nos corações de milhões. Interpretar esse papel demanda foco, paixão e a melhor atuação que eu sou capaz. Tornou-se claro que eu não consigo fazer os dois trabalhos no nível que eles requerem. Junto com o estúdio, eu decidi encontrar um parceiro num diretor que vai colaborar comigo nesse grande filme. Eu ainda estou nessa, e nós vamos fazê-lo, mas atualmente estamos procurando por um diretor. E continuo extremamente comprometido com esse projeto, e estou ansioso para dar vida a ela pelos fãs ao redor do mundo”, escreveu o ator.

O estúdio também soltou comunicado, afirmando o total apoio a Affleck. “A Warner Bros. apoia completamente a decisão de Ben Affleck e continua comprometida em trabalhar com ele para dar vida ao filme solo do Batman”.

Os boatos de que o ator não acumularia função no longa começaram durante a divulgação de outro filme do ator, “A Lei da Noite”, em que Affleck tornou público os problemas de roteiro que “The Batman” estava passando.

A previsão de lançamento da produção é para 2018, mas ainda não foi divulgada uma data exata. Porém, ele é prioridade para a DC em termos de estratégia, sendo considerado mais importante que a sequência da Liga da Justiça.