Engana-se quem pensa que a experiência de assistir a um filme resume-se apenas no longa em si. Muito pelo contrário: todos os fatores externos têm forte influência na forma como você irá digerir tudo isso.

Não à toa, há fortes investimentos em salas de cinema dos mais variados tipos. O cinema já foi além do 3D e hoje podemos encontrar até mesmo salas 6D – embora eu não faça ideia do que de fato seja uma sala deste tipo, confesso! Mais do que isso, a experiência do cinema não foi feita para salas exclusivamente modernas. Nosso sofá e aquela velha TV ainda podem nos proporcionar experiências maravilhosas.

cinema-a-experiencia-alem-da-telona

Lembro-me bem: o século XXI mal havia nascido, praticamente ninguém possuía TVs de tela plana. Ainda alugava-se filmes em locadoras, o DVD era a mídia do momento. E foi nesse contexto que vivi uma das experiências mais divertidas ao assistir um filme.

Reunimos um grupo de amigos, alugamos um filme de “terror” para assistir com a galera (se você ainda não fez isso, não perca tempo, reúna os amigos e faça AGORA!). O filme nem chega a ser um clássico do estilo, mas a experiência ao assisti-lo naquele contexto me marcou.

watching tv

Lembro-me bem até do VHS que alugamos. Era ‘Ecos do Além’, dirigido por David Koepp e estrelado por Kevin Bacon. A trama nem era tão assustadora assim, mas girava em torno de um assassinato e os mistérios envoltos nele. Mas a graça do filme estava nas coisas que aconteciam do lado de fora da telinha. A pirralhada apavorada, a mão suada da minha amiga Camila apertando a minha, os sustos e as discussões para descobrir quem era o maldito assassino, fizeram desta experiência uma das mais divertidas.

Obviamente, devemos respeitar determinadas normas e etiquetas em uma sala de cinema. Mas também devemos explorar todas as outras possibilidade e sensações que o ato de assistir um filme pode nos trazer. Não vejo a hora de ver ‘Capitão América: Guerra Civil’ em casa, com aquele amigo nerd, só pra poder berrar de emoção a cada aparição do amigão da vizinhança.

E para não dizer que não pensei na namorada: não vejo a hora de conferir a nova sala 3 do Belas Artes, onde segundo os idealizadores a ideia é assemelhar-se à experiência dos drive-ins, com direito a bancos de Dodges, Impalas e Cadillacs no lugar das tradicionais poltronas. Além de hambúrgueres, drinks e bate papo liberado. Nada como apreciar todas as milhares de formas de assistir um bom filme!

cinema-a-experiencia-alem-da-telona4

Foto: Perspectiva artística da nova sala 3 do Belas Artes