Quem disse que a aviação não tem a ver com o Cinema? Tem, e muito! Aeromoças lindas, com maquiagens impecáveis e muito simpáticas sempre estiveram sobre os holofotes e destacam uma nova era no Cinema. A glamourosa profissão de comissário de voo é muito explorada desde os anos 1960, marcado pelo filme ‘Vem Voar Comigo’ de 1963.

Vem voar comigo

A história gira em torno de três aeromoças que sonham em cruzar o Atlântico e também dividem o sonho de se casar com um homem rico e bonito. O longa é uma boa opção para quem quer se divertir e conhecer mais sobre a profissão com uma visão leve e bem humorada.

O tema também já foi abordado até nos “blockbusters”, aqueles filmes recordes em bilheterias, seja como coadjuvantes nos enredos ou protagonistas de suas próprias histórias. Nos filmes, podemos ver esses profissionais em diversas funções, como recebendo a tripulação, ajudando o piloto a salvar o avião de um psicopata, ou simplesmente usufruindo do status que a profissão lhe oferece, como é o caso das comissárias de bordo do filme ‘Prenda-me Se For Capaz’ de 2002. Neste filme, as moças deixam-se seduzir pelo estelionatário Frankie Abgnale, que se disfarçou como piloto da companhia aérea em que trabalhavam.

Prenda-me se for capaz

Aqui em nossa matéria, os comissários de voo são estrelas e merecem destaque. Claro, que assim como os bonzinhos, temos aqueles que estão envolvidos com os vilões dos longas, prontos para espalhar o terror em pleno voo. No caso, me refiro a personagem de Christina Applegate, comissária de bordo, que vive em rivalidade com a personagem de Gwyneth Paltrow em ‘Voando Alto’ de 2003.

Dona Jensen, uma humilde garota de Silver Springs, Nevada, decide pôr um fim à rotina pacata que leva na cidade e passar a viver nas alturas. Para isso, não poupa esforços: larga a família e entra em uma escola de comissárias de voo, apesar de nunca ter voado de avião. Curiosamente, a produção hollywoodiana tem assinatura brasileira: o diretor é o cineasta Bruno Barreto (‘O que é Isso, companheiro?’).

Voando alto

Grandes atores também já interpretaram algum profissional da aviação e com os comissários de bordo não é diferente. Poderíamos ficar aqui citando inúmeros representantes, alguns que até chegaram a enaltecer a profissão, principalmente quando se trata de filmes produzidos por Hollywood, um dos maiores eixos de produção de filmes.

Um filme marcante e pouco lembrado, mas que não poderia ficar de fora é ‘Jackie Brown’ de 1998, dirigido por Quentin Tarantino. A personagem de Pam Grier é uma aeromoça de uma pequena linha aérea mexicana. Apesar do baixo salário, o emprego possibilita que ela contrabandeasse dinheiro do México para os Estados Unidos, a mando de Ordell Robbie (Samuel L. Jackson), um traficante de armas que estava na mira do Bureau de Álcool, Tabaco, Armas de Fogo e Explosivos — a ATF. Quem acha que a moça é boazinha, está bem enganado!

Jackie Brown

Além disso, filmes sobre aviação ou sobre comissários de voo já foram estrelados por Catherine Zeta-Jones (‘O Terminal’), por Leslie Nielsen (‘Apertem os cintos… O piloto sumiu!’), Paula Patton (‘Voando para o amor’), Jodie Foster (‘Plano de Voo’), Denzel Washington (‘O Voo’), dentre outros.

O terminal

Para finalizar, fica aqui registrada a nossa homenagem aos profissionais que sempre estão nos ares, trazendo conforto e segurança em nossas viagens. Se nos esquecemos de citar algum filme, escreva abaixo. A sua participação é muito importante para nós. Até a próxima!