SINOPSE

Confuso, sem noção e grotesco são características deste filme nada interessante envolvendo maldições, magia negra e rituais de voodoo. Tecnicamente, filmes que fizeram história como ‘Brinquedo Assassino’ e a ‘Maldição dos Mortos Vivos’, os quais dizem respeito aos referidos rituais, trouxeram interpretações que ainda hoje mexem com a cabeça das pessoas.

jessabelle 3

Para muitos historiadores e praticantes do voodoo, infelizmente, alguns filmes de terror, sem falar em algumas comédias, se tornaram bastante sensacionalistas a ponto de assimilar a ideia do voodoo como algo extremamente macabro e doentio, assim como acontece com outras religiões e seitas, o que nem sempre condiz com a realidade.

jessabelle 2

O filme ‘Jessabelle’, dirigido pelo mesmo diretor do quarto e ultimo filme da série ‘Jogos Mortais’, Kevin Greutert, apresenta um enredo até interessante de certa forma, sem revelar em seu trailer detalhes do que está por trás da trama. Um ponto verdadeiramente positivo para a produção, sem falar que outros aspectos também são bastante positivos para um filme de terror como, por exemplo, a falta da velha e conhecida previsibilidade, uma característica bastante presente nos filmes de terror atuais, sendo que muitos de seus diretores e produtores negam este fato em defesa de suas produções.

jessabelle 4

Aparentemente, a imagem fantasmagórica visível, logo em seu cartaz, chama a atenção por se tratar de algo que lembra muito o mesmo personagem de outros filmes como ‘O Grito’ e ‘O Chamado’ e, embora parte do público tenha reprovado esse ponto, a maioria dos fãs de filmes de terror preferem ver o filme e tirar suas próprias conclusões. Em outras palavras, mesmo que a produção não seja boa, estes mesmos fãs e curiosos sobre o tema assistem unicamente devido ao gênero “terror”. De certa forma, é algo que contribui bastante para a bilheteria de um filme, a curiosidade.

jessabelle 5

Jessabelle não é exatamente um filme de terror, apesar das tentativas de sustos e do sobrenatural, mas um suspense pra lá de perturbador que gira em torno da personagem Jessie, interpretada pela atriz australiana Sarah Snook, conhecida por seu papel em ‘O Predestinado’ com Ethan Hawke. Jessie é uma jovem que se envolve em um acidente automobilístico que acaba matando seu namorado e fazendo com que a mesma acabe perdendo o seu bebê. Sem ter para onde ir, acaba tendo que voltar juntamente com o seu pai, a morar na casa onde sua mãe morreu. Estranhamente, seu pai ficou ausente a maior parte de sua vida. Durante o tempo que tem que passar para se recuperar do acidente, acontecimentos estranhos envolvendo o fantasma de uma mulher e rituais de voodoo começam a fazer parte do seu cotidiano e, junto com seu amigo de infância Preston, ela tenta desvendar o mistério que está aterrorizando a sua vida, bem como entender as mensagens de sua mãe através de vídeos gravados por esta com o intuito de decifrar o futuro de Jessie.

jessabelle 6

Tanto trabalho e dedicação foram impostos no roteiro de Jessabelle que, diga-se de passagem, é um roteiro inteligente, porém muito mal desenvolvido, bem como triste e covardemente finalizado, pois embora não se consiga adivinhar, até o seu momento clímax, o que pode acontecer, o filme acaba tendo um desfecho deprimente e, até certo ponto, bem semelhante a um outro filme do mesmo tema, ‘A Chave Mestra’. É claro que este tem um enredo bem diferente de Jessabelle. Do contrário haveria plágio.

jessabelle

O cinema de terror atual e, principalmente o norte americano, está sofrendo muito com a escassez de histórias realmente interessantes. No momento que boas histórias aparecem, maus roteiristas acabam deixando a desejar por não fazerem a lição de casa e escrever uma história realmente boa. O resultado disso tudo não deu outro! O filme ‘Jessabelle – O Passado Nunca Morre’, teve uma crítica bastante negativa e uma classificação vergonhosa, muito diferentes dos dois citados filmes da série ‘Jogos Mortais’ que foram dirigidos pelo mesmo diretor.