SINOPSE

O Universo Marvel é tão incrível e cheio de detalhes, que é necessário anos e anos de estudos para que possamos entender exatamente tudo o que acontece nele e suas teias de informações. Portanto, antes de qualquer análise sobre a série live-action da heroína Jessica Jones, é importante conhecê-la, mesmo que brevemente. Certo?

Conhecida também como Safira, Paladina e Poderosa, Jessica Jones é uma heroína aposentada que investe na carreira de investigadora particular. Como Safira, ela salvou inúmeras pessoas e enfrentou vilões, até que, ao entrar em uma confusão em um restaurante onde estava o antigo vilão do Demolidor, Zebediah Kilgrave, o vilão usou seus poderes de controle mental para colocar Jones sob seu comando, psicologicamente torturá-la e forçá-la a ajudar em seus esquemas criminosos. Jessica Jones passou a perder a distinção entre o que era verdade e o que era criado pelos poderes de Kilgrave.

JESSICA JONES 1

Depois de séries de sucesso como ‘House of Cards’, ‘Narcos’ e ‘Demolidor’, a poderosa Netflix lança mais uma série original, que se apresenta como uma espécie de spin-off de ‘Demolidor’. ‘Jessica Jones’, apresenta Jessica após seu envolvimento com o vilão Kilgrave. Já como investigadora particular, Jessica vive às sombras do vilão e teme que o mesmo volte à perturbá-la.

A série é protagonizada pela atriz Krysten Ritter, que ficou conhecida por seu papel como Jane Margolis, na aclamada série ‘Breaking Bad’. A diferença de comportamento entre Jessica e Jane é praticamente nula, é como se fosse a mesma personagem. Isso não necessariamente prejudica a série, mas causa um certo distanciamento no espectador.

JESSICA JONES 2

O vilão Kilgrave, interpretado por David Tennant, é misterioso, decidido e, acima de tudo, egoísta e totalmente obcecado, faz de tudo para atingir seus objetivos, nem que precise acabar com a vida de todos ao seu redor. É um vilão em potencial, é discreto e extremamente poderoso, já que consegue manipular mentes. Tennant consegue criar esse efeito amedrontador com discrição e maestria.

Os personagens coadjuvantes, como a melhor amiga de Jessica, Trish Walker, o barman Luke Cage, a advogada Harper, e os também vítimas de Kilgrave, Hope e Malcolm, trazem dinamismo à história, e são essenciais para o desenvolvimento da série.

MARVEL’S JESSICA JONES

‘Jessica Jones’ não é o tipo de série que conseguiria ter seus episódios transmitidos uma vez por semana, como ‘The Walking Dead’, ‘Game of Thrones’, ou como foi com ‘Breaking Bad’. A nova série funciona com a disponibilização da temporada inteira de uma vez, como sempre faz a Netflix, pois não há ganchos que segurariam o espectador e o trouxessem de volta na semana seguinte.

A nova série da Marvel chega à Netflix com 13 episódios nesta primeira temporada, com cerca de 54 minutos de duração cada.