Em entrevista ao ‘Comicbook’ Norman Reedus falou sobre as mortes ocorridas no primeiro episódio da sétima temporada de ‘The Walking Dead’, que estreou dia 23.

Norman diz que acha que Daryl Dixon foi responsável pelo destino de Gleen. Ainda acrescenta que é sempre difícil dizer tchau para as pessoas na série, e é ainda mais difícil se despedir de alguns personagens do que de outros. Ambos os personagens são tão importantes para o programa e eles são muito bem respeitados entre os outros atores, todos são bons amigos. É sempre difícil mas, dependendo personagem fica realmente intenso.

O ator ainda diz que Daryl se culpa pela morte do ex-entregador de pizza. Ele acha que pesa sobre ele, ele não sabe se alguém no grupo o culpa por isso, mas ele culpa a si mesmo mais do que qualquer coisa, e isso realmente o coloca para baixo em um nível no qual qualquer merda que jogarem nele, ele simplesmente vai aceitar.

Isso vai fazer com que o Daryl como conhecemos desapareça, ele faz certas coisas das quais não têm volta, ele está em um momento muito, muito sombrio. É uma combinação de ódio e auto aversão. É diferente de quando ele começou na série. Ele tem um grande ressentimento. Achava que as pessoas não gostariam dele, e não ligava. Agora ele meio que odeia a si mesmo, ele odeia o mundo em que estão, e não perde a garra, mas definitivamente não vê mais nada de bom no mundo.